13/06/2017
Tamanho
 

Socialistas participam do XIV Seminário LGBT do Congresso Nacional

Guilherme Martimon    
Deputada Janete Capiberibe discursa durante o seminário LGBT
 

A Câmara dos Deputados sediou, nesta terça-feira (13), o XIV Seminário LGBT do Congresso Nacional. O tema do evento neste ano foi “Transição Cidadã: Nossas Vidas Importam! ” Assuntos como conservadorismo, os impactos das reformas constitucionais no Brasil nos direitos LGBT e os desafios das discussões de gênero na escola foram amplamente debatidos por lideranças dos movimentos sociais LGBT, especialistas e parlamentares socialistas.

A deputada federal Janete Capiberibe (PSB-AP) participou do seminário e recordou sua militância. A primeira política do Amapá a subir num carro de som de uma parada LGBT, Janete comprometeu-se com a aprovação de propostas para garantir respeito à comunidade LGBT. “Nesta Casa, tramita o Projeto de Lei nº 7.582/14, que tipifica os crimes de ódio e intolerância, entre eles, o da homofobia. ” A proposta está na Comissão de Direitos Humanos.

Ainda de acordo com a socialista, esta matéria será capaz de reduzir crimes de ódio, gerar debates sobre tolerância, respeito e diversidade. “Temos o direito de sermos felizes expressando nosso amor e vivendo nossa afetividade e gênero com plenitude. Não há uma forma única de amar, como não há de expressar a cultura ou de produzir”, resumiu Janete.

Alguns números assustam quando se trata da gravidade causada pela homofobia, que está expressa nos crimes por identidade de gênero: 343 pessoas lésbicas, gays, bissexuais, travestis e transexuais (LGBT) foram mortas, ano passado, no Brasil. “O maior número de vítimas está entre os gays e as transexuais. Estes crimes não podem ser encobertos nem naturalizados”, completou Janete Capiberibe.

O deputado Odorico Monteiro (PSB-CE) demonstrou apoio e solidariedade a toda causa LGBT e relembrou ações enquanto secretário de Gestões Estratégicas e Participativas do Ministério da Saúde. “Colocamos em prática a política de saúde da população LGBT, que estava há mais de cinco anos engavetada. O Sistema Único de Saúde (SUS) também foi reforçado para atender as cirurgias em transexuais. Parabenizo a iniciativa por este evento e vamos seguir na luta para erradicar todas as formas de preconceito. ”

O senador João Capiberibe (PSB-AP) assumiu compromisso de impulsionar um projeto de lei que está parado no Senado Federal que criminaliza a homofobia. “Vamos analisar a matéria e reunir forças para aprovar esse PL, que é a principal força da política. E essa força também se faz com participação popular e só assim vamos renovar essa Casa”, argumentou.

Ao final do evento, o representante da LGBT Socialista, Alcemir Freire, sugeriu a todos os participantes que refletissem sobre suas condições políticas e todos os atos que poderiam contribuir para diminuir o preconceito do dia a dia. "O ato 'ação, reflexão, ação' serve para tudo que fazemos na vida e tirar sempre lições positivas. É a quinta vez que venho a este evento e agradeço a honra de debater o tema com um número recorde de parlamentares presentes. "

O seminário foi promovido em parceria por seis comissões da Casa: de Direitos Humanos e Minorias; de Legislação Participativa; de Educação; de Cultura, de Seguridade Social e Família; e de Trabalho, de Administração e Serviço Público.

Rhafael Padilha
 
     
 
     
 
       
 
Liderança do PSB na Câmara dos Deputados
Câmara dos Deputados - Anexo II - Bloco das Lideranças Partidárias Sala 114 Fone: (61) 3215-9650 - Fax: (61) 3215-9663
Assessoria de imprensa: (61) 3215-9656 • e-mail: imprensa.psb@camara.gov.br ® 2016 • Liderança do PSB na Câmara. Todos os direitos reservados.