28/11/2017
Tamanho
 

Socialista aprova na CCJC a convocação de referendo sobre desestatização da Eletrobras

Chico Ferreira   
 

Parlamentares socialistas deram mais um importante passo na luta contra a proposta de privatização da Eletrobras e suas subsidiárias. Na tarde desta terça-feira (28), a Comissão de Constituição e Justiça e de Cidadania (CCJC) da Câmara aprovou relatório do deputado Danilo Cabral (PSB-PE) favorável ao projeto de decreto legislativo, oriundo do Senado Federal, que propõe a convocação de referendo sobre a desestatização da estatal (PDC nº 948/2001).

Polêmica, a proposta de privatização da Eletrobras tem rejeição de parlamentares de diversos partidos. “Essa é uma causa suprapartidária. É uma luta pela preservação da nossa soberania, do nosso patrimônio. Com essa aprovação, a Casa dá uma lição de sintonia com a sociedade brasileira”, comemorou Danilo. Na Câmara, o pernambucano preside a Frente Parlamentar em Defesa da Companhia Hidrelétrica do São Francisco (Chesf). Ele lembra que a Companhia é um patrimônio dos nordestinos, essencial para o desenvolvimento econômico e social da região.

O líder do PSB na Casa, deputado Júlio Delgado (MG), lembrou que a questão não é somente de interesse da Chesf, mas de todo o setor. “Temos outras empresas como a Chesf que sofrerão com essa privatização. A aprovação do referendo deixa tudo pronto para o Plenário e para fazermos justiça ao delegarmos ao povo a decisão maior”, avaliou.

Desde meados de agosto, o Governo Federal trabalha na elaboração da proposta de privatização da Eletrobras. A estatal coordena empresas do setor elétrico brasileiro, mas segundo o Governo, enfrenta graves problemas financeiros, com a acumulação de dívidas.

Além de grande empregadora, é a maior holding do segmento na América Latina, sendo a 16º empresa de energia do mundo. É uma das cinco maiores geradoras hídricas com capacidade instalada, além de deter 31% da capacidade do setor elétrico brasileiro, com mais de 70 mil quilômetros de linha de transmissão.

Para o deputado Tadeu Alencar (PSB-PE), o Governo não tem apetite para fazer discussões sérias com a população brasileira. “A aprovação dessa matéria é muito importante, pois vai na contramão de uma característica do atual governo, que trabalha na aprovação de reformas sem o necessário e indispensável debate com a sociedade.”

Ele também fez questão de cumprimentar os trabalhadores de todas as empresas envolvidas, que foram para as ruas em manifestações contrárias à privatização do setor. Tadeu lembrou ainda das lutas do PSB em defesa dos direitos sociais e de ações voltadas para a melhoria da vida da população. “Estamos muito satisfeitos que o PSB tenha relatado esse projeto. O Partido tem uma história de 70 anos das melhores lutas no Brasil. Passando pela defesa e resistência de todos os movimentos que, ao longo dos tempos, procuraram defender as conquistas sociais.”

Tatyana Vendramini
 
     
 
     
 
       
 
Liderança do PSB na Câmara dos Deputados
Câmara dos Deputados - Anexo II - Bloco das Lideranças Partidárias Sala 114 Fone: (61) 3215-9650 - Fax: (61) 3215-9663
Assessoria de imprensa: (61) 3215-9656 • e-mail: imprensa.psb@camara.gov.br ® 2016 • Liderança do PSB na Câmara. Todos os direitos reservados.