09/05/2018
Tamanho
 

Deputado Valadares Filho lamenta alto índice de desemprego no Sergipe e no Brasil

Divulgação/Assessoria   
Valadares critica falta de esforços de governos Federal e Estadua
 

O alto índice de desemprego no Brasil, em especial no estado de Sergipe, foi tema de discurso do deputado Valadares Filho (PSB-SE), nesta quarta-feira (9). O parlamentar destaca que a taxa de desemprego fechou o ano de 2017 em 13,4%; mas em Aracaju, no segundo trimestre de 2017, a taxa foi de 16 %. “Isto é, taxa bem superior à nacional”, destacou o parlamentar.

De acordo com dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatísticas (IBGE), no primeiro trimestre de 2018, o desemprego no Brasil atingiu o patamar de 13,1%, com o triste registro de 13,7 milhões de desempregados. Nesses três primeiros meses do ano, houve redução de mais de um milhão de postos de trabalho – 327 mil na indústria; 389 mil na construção; e 396 mil vagas no comércio. “Esses dados mostram que nem o Governo Federal nem o governo estadual adotam medidas eficazes de combate ao desemprego”, ressaltou.

Para o socialista, é dever do Poder Executivo reverter essas taxas, reativar a economia e propiciar mais condições de empregabilidade. “Infelizmente, não é isso o que vem ocorrendo no Brasil e, muito menos, no Estado de Sergipe”, lamenta. Valadares Filho também falou do fracasso da reforma Trabalhista em criar postos de trabalho. “O argumento do Governo para aprovação era que as volumosas contribuições sociais e impostos faziam com que empresários não se arriscassem a empregar e que as medidas defendidas iriam diminuir o desemprego.”

Segundo Valadares, o que vem ocorrendo na prática é o aumento da informalidade. “É a primeira vez na história que o número de trabalhadores sem carteira assinada superou o conjunto de empregados formais”, destaca o sergipano, que votou contra a aprovação da reforma trabalhista.

Outros dados do IBGE dão conta de que, em dezembro de 2017, o número de trabalhadores informais foi de 34,2 milhões, superando o contingente formal, que somava 33,3 milhões; ao mesmo tempo, o total de trabalhadores sem registro em carteira cresceu 5,7% no mesmo período; e a categoria dos trabalhadores por conta própria somava 23,2 milhões de pessoas ao fim de 2017, com um crescimento de 4,8% em relação ao fim de 2016.

Para reduzir o desemprego em Sergipe e trazer para formalidade trabalhadores que se encontram na informalidade é necessário que o atual Governo adote medidas eficazes para fomentar a economia. “Só assim será possível criar novos postos de trabalho e reduzir o desemprego”, finaliza o deputado.

Assessoria do deputado Valadares Filho
 
Mais notícias sobre Plenário
17/05/2018 - Deputado Jefferson Campos parabeniza Estado de Israel pelos 70 anos de fundação
09/05/2018 - Deputado Valadares Filho lamenta alto índice de desemprego no Sergipe e no Brasil
02/05/2018 - Deputado Gonzaga Patriota ressalta importância dos serviços de cartório para o Brasil
23/04/2018 - Em discurso no Plenário, deputado Gonzaga Patriota homenageia Brasília
15/03/2018 - Socialistas repercutem assassinato da vereadora Marielle Franco
 
     
 
     
 
       
 
Liderança do PSB na Câmara dos Deputados
Câmara dos Deputados - Anexo II - Bloco das Lideranças Partidárias Sala 114 Fone: (61) 3215-9650 - Fax: (61) 3215-9663
Assessoria de imprensa: (61) 3215-9656 • e-mail: imprensa.psb@camara.gov.br ® 2016 • Liderança do PSB na Câmara. Todos os direitos reservados.