09/04/2019
Tamanho
 

A pedido de Elias Vaz, colegiado convoca Joaquim Levy, ex-ministro da Fazenda

Sérgio Francês   
 

A Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) destinada a investigar a prática de ilícitos do BNDES aprovou, nesta terça-feira (9), a convocação do ex-ministro da Fazenda Joaquim Levy para prestar depoimento ao colegiado. A convocação foi proposta pelo deputado federal Elias Vaz (PSB-GO).

A CPI investiga possíveis atos irregulares entre 2003 e 2015, relacionados à internacionalização de empresas brasileiras no âmbito do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES).

De acordo com Elias Vaz, no período em que ficou à frente do Ministério da Fazenda, em 2015, Levy formulou e executou políticas econômicas que tinham correlação com as atividades do BNDES. “Vários investimentos realizados em empresas brasileiras que se internacionalizaram foram feitos sob gestão do então ministro Joaquim Levy, o que o coloca como testemunha das operações”, justificou.

O Conselho de Administração do Banco, segundo Elias, conta com um membro indicado pelo ministro da Fazenda. “O mesmo acontece com o Conselho Fiscal. Fica evidente que as atividades do BNDES são vinculadas a esta pasta.”

Andrea Leal
 
     
 
     
 
       
 
Liderança do PSB na Câmara dos Deputados
Câmara dos Deputados - Anexo II - Bloco das Lideranças Partidárias Sala 114 Fone: (61) 3215-9650 - Fax: (61) 3215-9663
Assessoria de imprensa: (61) 3215-9656 • e-mail: imprensa.psb@camara.gov.br ® 2016 • Liderança do PSB na Câmara. Todos os direitos reservados.