11/04/2019
Tamanho
 

Carreras lança Frente Parlamentar para promover alimentação saudável

   
 

Os desafios da alimentação saudável. O Brasil gasta atualmente R$ 57 bilhões apenas com custos gerados pelo tabagismo. Soma-se a isso, o consumo desregrado de alimentos ricos em açúcar e gordura. Com esses desafios, o socialista Felipe Carreras (PSB/PE) lançou nesta quinta-feira (11), a Frente Parlamentar em Defesa da Saúde Preventiva. Carreras encabeça a iniciativa como presidente deste movimento que tem ainda o também socialista João Campos (PSB/PE) como vice-presidente.
 
Para Carreras, os desafios são grandes. Ele citou os recursos investidos no Sistema Único de Saúde (SUS) que são da ordem de R$ 110 bilhões para atender um universo de 150 milhões de pessoas. “O que ocorre é que o país cuida através de suas políticas públicas da consequência e não da causa. Não existem explicações do governo pela falta de investimentos em prevenção. Queremos ter um trabalho para estimular a atividade física, o consumo de alimentos saudáveis, investir em profissionais como o educador físico, o nutricionista, o fisioterapeuta. Seguimos com esse objetivo, uma Frente atual que pensa no futuro do país”, afirmou Carreras.
 
O vice-presidente da Frente Parlamentar, o deputado João Campos (PSB/PE), afirmou que a iniciativa tem como missão construir uma legislação, um instrumento jurídico para possibilitar que o sentimento do povo – que é o anseio por uma vida mais saudável – vire uma realidade. “Sabemos que quando se investe em saúde preventiva, economizamos lá na frente. É assim com o saneamento básico, por exemplo. Se investimos, economizamos com saúde no futuro”, afirmou.  
 
Ex-ministro - Entre os convidados, o ex-ministro da Saúde, José Gomes Temporão, argumentou que políticas públicas para o combate à obesidade, doenças crônicas, por exemplo, existem. Entretanto, em sua opinião, o que falta é a atuação legislativa para reforçar as iniciativas existentes. “A responsabilidade da prevenção não é apenas do cidadão. Vimos nas grades de programação da televisão o quanto se utiliza para propagandas de bebidas alcóolicas, refrigerantes e alimentos de fast food. A iniciativa legislativa tem que interferir nas propagandas. É preciso encarecer os alimentos ultraprocessados. O legislativo precisa promover esse debate e a sociedade espera por isso”, reforçou o ex-ministro.
 
Também participaram do evento a diretora geral da ACT, Paula Johns; os deputados João Roma (PRB/BA) e Alexandre Padilha (PT/SP); e a representante da Organização Pan-americana de Saúde, Kátia Campos.
 

Fabrício Francis
 
     
 
     
 
       
 
Liderança do PSB na Câmara dos Deputados
Câmara dos Deputados - Anexo II - Bloco das Lideranças Partidárias Sala 114 Fone: (61) 3215-9650 - Fax: (61) 3215-9663
Assessoria de imprensa: (61) 3215-9656 • e-mail: imprensa.psb@camara.gov.br ® 2016 • Liderança do PSB na Câmara. Todos os direitos reservados.