11/09/2019
Tamanho
 

Bira e Lídice criticam descumprimento de acordo para investimentos em educação

Divulgação   
 

Os cortes em bolsas do Capes e CNPq anunciados pelo Governo Federal no último mês foram duramente criticados por deputados socialistas na Câmara. Nesta quarta-feira (11), a Comissão de Educação tratou do tema em audiência pública. O deputado federal Bira do Pindaré (PSB-MA) subscreveu o requerimento que solicitou o debate. “Estamos assistindo a um apagão da ciência e tecnologia no Brasil”, disse.

Estão previstos cortes em 5.613 bolsas do Capes de mestrado, doutorado e pós-doutorado para este ano. O CNPq tem hoje metade do orçamento que tinha em 2014, caindo de R$ 2,1 bilhões para R$ 1,1 bilhão. Para Bira, investir em conhecimento é indispensável para o crescimento do País. “Como vamos desenvolver sem o investimento em ciência e tecnologia? Como vamos avançar sem os investimentos devidos na formação de pessoas em todos os níveis?”, questionou.

Há três meses, o Congresso aprovou o Projeto de Lei Complementar (PLN) nº 4/19 que autorizou abertura de crédito suplementar de R$ 248,9 bilhões. A aprovação só foi possível a partir do comprometimento do Governo de destinar R$ 1 bilhão a universidades e institutos federais e R$ 330 milhões para bolsas de pesquisa científica. Bira do Pindaré criticou o descumprimento do acordo.

A socialista Lídice da Mata (BA) afirmou que a oposição votou no PLN com essa garantia. “Se não há cumprimento do acordo, não há credibilidade em relação ao Governo Federal. O Ministério da Economia corta tudo que considera secundário, como é o caso do investimento em educação e, especialmente na pesquisa e na ciência no nosso País”, lamentou.

Andrea Leal
 
     
 
     
 
       
 
Liderança do PSB na Câmara dos Deputados
Câmara dos Deputados - Anexo II - Bloco das Lideranças Partidárias Sala 114 Fone: (61) 3215-9650 - Fax: (61) 3215-9663
Assessoria de imprensa: (61) 3215-9656 • e-mail: imprensa.psb@camara.gov.br ® 2016 • Liderança do PSB na Câmara. Todos os direitos reservados.