08/10/2019
Tamanho
 

Lídice da Mata faz duras críticas à decisão da Petrobras de encerrar atividades na Bahia

Sérgio Francês   
Lídice participa de audiência na Comissão de Minas e Energia
 

A deputada Lídice da Mata (PSB-BA) criticou fortemente o possível fechamento da Petrobras na Bahia e o desmonte da Estatal no Nordeste. A crítica aconteceu nesta terça-feira (8), em audiência pública realizada na Comissão de Minas e Energia, destinada a discutir o assunto. O presidente da Petrobras, Roberto Castello Branco, participou do debate. 
 
Existe um impasse entre o Sindicato dos Petroleiros (Sindipetro-BA), que afirma que a empresa já anunciou um Programa de Desligamento Voluntário, e a Petrobras, que nega as pretensões de encerrar as atividades na Bahia. De acordo com o Sindicato, a Estatal vai desfazer o contrato firmado com a Fundação Petrobras de Seguridade Social (Petros) para o uso da Torre Pituba, prédio administrativo da empresa em Salvador. 
 
Lídice afirmou que, com essa medida, a Petrobras acaba com três mil empregos da cidade de Salvador. “A Bahia foi o primeiro estado a descobrir petróleo no Brasil. A Petrobras deve, sim, à Bahia o respeito a toda contribuição que o estado deu ao longo da vida de produção de petróleo no Brasil”, afirmou.
 
A socialista disse que o Brasil tem natureza suficiente para sustentar o início de produção de petróleo no País. Ela lembrou que o Brasil não era autossuficiente em petróleo antigamente. Portanto, não era possível pensar em uma economia brasileira que se sustentasse apenas na Petrobras. “Mas a Petrobras foi resultado de uma luta dos brasileiros, para que ela existisse enquanto monopólio estatal. E isso a história está aí para contar”, declarou.
 
De acordo com a parlamentar, recentemente o Brasil se tornou independente ou autossuficiente em petróleo e foi nesse período que, pelos esforços de investimentos em pesquisa na Petrobras, se descobriu o Pré-sal. “Portanto, é preciso estabelecer com a Bahia uma discussão sobre a diminuição do ritmo da Petrobras naquele estado”, disse.
 
A deputada afirmou que os funcionários da empresa estão sendo assediados. Ou saem e vão trabalhar em outros estados ou serão demitidos. “São pessoas que lá na Bahia se estabeleceram, têm família e estão sendo jogados para qualquer outro estado para desocupar rapidamente a Pituba”, criticou. 
 

Moreno Nobre
 
     
 
     
 
       
 
Liderança do PSB na Câmara dos Deputados
Câmara dos Deputados - Anexo II - Bloco das Lideranças Partidárias Sala 114 Fone: (61) 3215-9650 - Fax: (61) 3215-9663
Assessoria de imprensa: (61) 3215-9656 • e-mail: imprensa.psb@camara.gov.br ® 2016 • Liderança do PSB na Câmara. Todos os direitos reservados.